Marcha da Maconha – Brasil 2008 » Manifestos

0

Friday, May 9th, 2008

7 de maio de 2008, às 16:28h por Samarone Lima, do blog Estuário

No domingo, eu estava em Fortaleza, e perdi um evento que gostaria de participar – a marcha pela legalização da maconha. Lá não teve a passeata, a exemplo de diversas outras capitais do Brasil, onde vingou mesmo a proibição ridícula do direito de expressão. Pernambuco, com sua tradição libertária, permitiu a passeata. Pelo que sei, ninguém fez confusão ou foi preso por defender o que acha melhor para sua vida. Vários amigos meus devem ter participado.
(more…)

Wednesday, May 7th, 2008

Publicada em 06/05/2008 às 00h01m
O Globo Online

RIO – A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vai promover em sua sede no Rio, na próxima segunda-feira, um ato em defesa da livre expressão, de acordo com reportagem publicada no jornal “O Globo” . O evento, programado após a repercussão em torno da proibição da Marcha da Maconha, tem como objetivo ampliar o debate sobre a liberdade da população de se manifestar. Acostumado a assistir a manifestações em favor da legalização de bingos e vans, por exemplo, o carioca, segundo especialistas, ainda resiste a discutir temas considerados tabus, como as drogas.

Monday, May 5th, 2008

ORLANDO ZACCONE Delegado de polícia civil do Rio de Janeiro Mestre em Ciências Penais pela Universidade Cândido Mendes

Doutorando em Ciências Políticas pela Universidade Federal Fluminense

O quadro é desolador. De um lado a “guerra” contra as drogas matando mais do que as próprias drogas e estabelecendo-se como uma política criminal irracional e genocída; do outro, cidadãos divididos entre a garantia do direito fundamental da livre expressão do pensamento e a autoritária instalação de um “estado de exceção permanente” em nosso país, na expressão do filósofo italiano Giorgio Agamben, referindo-se ao atual fenômeno da suspensão ininterrupta de direitos constitucionalmente estabelecidos nos assim chamados estados democráticos de direito. É neste contexto que se situam as recentes decisões judiciais de proibição das marchas em favor da legalização da maconha em diversos estados brasileiros e no distrito federal. (more…)

Monday, May 5th, 2008

A Marcha Mundial da Maconha é um movimento global pela legalização da cannabis. Hoje a Marcha esta sendo prevista para 10 cidades no Brasil: Cuiabá, Curitiba, Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza, João Pessoa, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Sendo que em seis delas, Curitiba, João Pessoa, Cuiabá, Brasília, Salvador e Belo Horizonte,o ministério publico entrou com liminar na justiça para que a marcha fosse proibida, atitude que faz parte do modelo repressor vigente no Brasil e na maioria dos países. Modelo este ineficaz, que marginaliza e criminaliza o usuário da planta, e não consegue de fato intervir no desmantelamento do tráfico de drogas.

A cannabis está enraizada na cultura de diversas sociedades do globo e segundo o Relatório Mundial sobre Drogas da ONU de 2007, a maconha é utilizada por 3,8 % da população mundial (aproximadamente 160 milhões de pessoas). A criminalização da maconha impede a utilização de seus valores terapêuticos e homeopáticos, favorece o narcotráfico e a violência e dificulta a construção de políticas públicas para o tratamento de usuários e a prevenção.
(more…)

Sunday, April 20th, 2008

FACIL DE PLANTAR Cordel Autor:GENIVALDO BAZILIO

Artista de rua, educador social e poeta popular

Na sociedade moderna Moderna é a selvageria É luco a todo custo Faz das tripas alquimia Profana e vulgariza

E tudo é mercadoria

O cha e a planta narcotica que altera e inspirou poesia relaxa sem depressão Da prazer e alegria Claro tambem causa danos

feito açucar todo dia

É combatida por um lado Por outro é estimulado É reprimido de dia Á noite é adiantado Assim ninguem paga imposto E todo dinheiro é lavado

(more…)

Tuesday, April 8th, 2008

“14Eu sei, e estou certo no Senhor Jesus que nenhuma coisa é de si mesma imunda a não ser para aquele que a tem por imunda; para esse é imunda” Epístola de Paulo aos Romanos:

Cap. 14; Vers. 14

A Ananda – Associação Interdisciplinar de Estudos sobre Plantas Cannabaceae vem através desta nota-pública prestar solidariedade e apoio às pessoas vitimadas pelos fatos ocorridos na tentativa de exibição do documentário “Grass”, no último dia 03/04, na UFMG. Lamentamos a forma como a direção da unidade vetou a exibição do documentário, mas principalmente a forma como atuaram no ímpeto de levar às últimas conseqüências a missão de impedir o debate em torno do tema do filme: As origens e os processos históricos da manutenção injusta da proibição da maconha.

(more…)

Tuesday, April 8th, 2008

De acordo com os estudantes, a PM entrou no campus na última quinta-feira durante a exibição do documentário “Maconha – Grass” no Instituto de Geociências (IGC) da UFMG. “O filme havia sido proibido pela diretora do instituto, mas os alunos organizaram a sessão e passaram o filme. Aí a polícia chegou e fechou o prédio. Um estudante que estava no prédio e nem assistiu ao filme foi impedido de sair e depois de agredido, foi algemado e levado para uma viatura. Outros estudantes também sofreram agressão”, conta Marco Túlio de Melo Vieira, 19, membro do Diretório Central dos Estudantes (DCE) e aluno do curso de comunicação social da UFMG.

(more…)

Saturday, April 5th, 2008

Enquanto estão roubando, matando, estuprando, sequestrando, cometendo crimes de corrupção…
Seu dinheiro é usado para evitar que um filme seja mostrado em uma universidade

Vídeo 1 – http://www.youtube.com/watch?v=UPK1GJnKWhk
Vídeo 2 – http://www.youtube.com/watch?v=Att_OYgLDuA

Detalhe, um video que foi vendido na Banca de Jornal pela Editora Abril, em uma edição da revista Superinteressante.

O vídeo que seria exibido foi comercializado pela Editora Abril livremente nas bancas de todo o país. Portanto nada de apologia.

DVD Superinteressante:
Anúncio do DVD vendido nas bancas
Encarte do DVD

Thursday, November 1st, 2007

Pequeno grupo levantou faixas em frente ao Palácio do Planalto.
“Cannabis: criada por Deus, banida pelo homem”, dizia uma das faixas.

Foto no fórum Marcha da Maconha

Fonte: G1

Sunday, September 23rd, 2007

Um tradição recente tem marcado as ruas da Argentina anualmente todos os dias 21 de setembro. Não se sabe exatamente a origem da data, mas a cada ano as intervenções urbanas de cunho artístico-ativista se inovam. Fazendo de muros, paredes e até mesmo semáforos espaços de intervenções e pontos de partida para reflexões sobre a realidade social da proibição à maconha, esses ativistas-artistas foram acompanhados de perto pela Revista THC.

do Observatório da Cannabis