Marcha Da Maconha Rio 2011 – Marcha da Maconha

0
Membro

Grupo: Members Posts: 201 Entrou: 30/10/07 Usuário Nº: 93

Relatório da reunião da Marcha da Maconha de 15 de maio de 2010.

I – Pauta:

1- Avaliação da Marcha da Maconha 2010 2- Plano de ação até maio de 2011

1. Avaliação: Não fiz relatório da avaliação.

2. Plano de ação (até maio 2011):

· Marcha da Maconha 2011: 7 de maio, 14h Jardim de Alah.

· Encontro Estadual pela Legalização da Maconha

Objetivo: Aprofundar o debate sobre os usos da maconha e as estratégias da luta pela legalização abordando os seus vários aspectos. Usos recreacional, medicinal, religioso, industrial, ecológico, alimentar e etc. Implicações sociais e jurídicas da proibição da maconha. Os rumos da Marcha da Maconha e outras formas de luta. Metodologia: Debates, palestras, seminários, oficinas, plenárias e atividades culturais. Data: Logo após o Carnaval 2011.

· Projeto de Lei de Iniciativa Popular pela Legalização da Maconha

Organizar comissão que fará proposta de texto e de estratégia a ser debatido por todos nas reuniões mensais.

· Organização de atividades culturais

· Debates

Realização permanente de debates em escolas, universidades, sindicatos e etc. Realização também de debates privados para pequenos grupos.

· Comunicação:

Comunicação interna: Mala-direta e lista de discussão. Comunicação externa: panfletos, jornais, manual de redução de danos, etc.

· Finanças

Funcionamento permanente da Loja da Marcha da Maconha Rio com vendas pela internet e no Circo Voador. Acordo financeiro com administrador da Loja de % sobre os lucros. Campanha permanente de doações. Elaboração do „Projeto Marcha da Maconha 2011” para captação de recursos nacionais e internacionais.

· Organização

Reuniões mensais aos sábados. Criação de comissões para tarefas específicas: (Comunicação, Cultura, Finanças, Encontro Estadual e Projeto de Lei). Criação dos Núcleos pela Legalização da Maconha por local de moradia, estudo ou trabalho. Em função das presenças na reunião, foram indicados os seguintes núcleos para formação imediata: Tijuca/UERJ, UFRJ, UFF, URCA, Lagoa, Santa Tereza, PUC, Centro, Complexo do Alemão e UNISUAM. Outros núcleos podem ser criados a qualquer momento. Serão criadas listas de discussão na internet para cada Comissão e Núcleo.

Voluntários: As comissões e núcleos são abertos para a inclusão de novos nomes. As pessoas podem participar de mais de uma comissão.

Muita gente comprometida com a Marcha não foi na reunião. É muito importante que a galera se envolva nas comissões e núcleos.

Todos os que quiserem participar mandem email para [email protected]

——————–

Renato Cinco
Movimento pela Legalização da Maconha – RJ