Porto Alegre | Marcha da Maconha – Blog – Part 2

0

da RBS

A Marcha da Maconha transcorreu de maneira pacífica em Porto Alegre. A manifestação pela legalização da droga começou no Parque da Redenção às 16h30 e reuniu cerca de 5 mil pessoas. A polícia não acompanhou a caminhada, que terminou no Largo Zumbi dos Palmares, nem por isso foi esquecida pelos manifestantes e frequentemente era provocada.”Ei, polícia, maconha é uma delícia”, gritavam. Quando um ônibus da Brigada Militar passou pelo grupo, foi recebido com vaias.

Mas a polícia não foi o único alvo. Os participantes não pouparam críticas ao deputado Osmar Terra, autor da proposta da nova Lei Antidrogas. De acordo com o texto do projeto, o dependente químico pode ser internado para tratamento sem que ele ou o juiz autorize, é a chamada internação compulsória. Marcelo Ferreira é um dos organizadores da Marcha e vê a alteração na legislação como retrocesso, mas acredita na força das manifestações populares.
Leia mais…